Spacehey Foto Oficial

Jovem alemão cria réplica da antiga rede social Myspace e atinge 200 mil usuários. E o número não para de crescer!

Por Matheus Audan

Uma nova rede social no maior estilo retro já passa de 200 mil usuários, sem algoritmos ou armazenamento de dados

Jovem alemão cria réplica do finado Myspace assim meio que de brincadeira e vê a rede bater rapidamente mais de 200 mil usuários.

Para quem não se lembra, o Myspace foi uma febre no começo dos anos 00 ao permitir que usuários montassem perfis com informações pessoais e suas músicas prediletas.  A rede ganhou a simpatia dos artistas que no início respondiam pessoalmente aos fãs e criou fenônemos musicais, como exemplo a então adolescente Malú Magalhães.

 

O criador

Anton Röhm, um jovem alemão de apenas 19 anos é o criador dessa nova rede social. An, o nome em seu perfil na rede, viu seu site ganhar mais de 200 mil usuários em pouco mais de 1 ano no ar. Ele declara que o site é um lugar amigável para se divertir, fazer amigos e ser criativo. Além disso, para a geração dos anos 2000, a plataforma segue toda uma estética retro nostálgica. Seu perfil é personalizável através de HTML , uma lista com seus top 8 amigos, ferramentas que lembram muito o MySpace, umas das grandes redes sociais que impactaram e mudaram a forma de como o mundo todo se relaciona online.

Sem algoritmos

“Sem sugestões de conteúdo implorando por atenção”, é assim que o criador descreve SpaceHey. Como você sabe, hoje grande parte dos sites utiliza de algoritmos para filtrar conteúdos que possam te interessar ou menos. Na questão de marketing, não poderíamos ter uma ferramenta melhor, pois apenas teríamos acesso a postagens e pessoas relevantes para nós. Porém com o tempo se mostrou uma ótima ferramenta de armazenamento e venda de dados, além de criar pequenas bolhas sociais.

Grande parte da sociedade, principalmente os descritos “Millennials“, sentem falta das redes sociais em seu início, que não serviam como um plataforma de compra e venda, e sim um jeito de se relacionar e se divertir com velhos e novos amigos.

Perfil do An no SpaceHey

Perfil do “An” no SpaceHey

Fazendo o caminho inverso

É irônico vermos uma rede social no estilo de 2007 ganhar relevância, ao mesmo tempo que Mark Zuckerberg está lançando sua nova plataforma,  Meta. A experiência que o criador do Facebook promete com Meta é muito mais imersiva, para intensificar e melhorar a experiência do usuário, porém apesar da curiosidade do grande público, muitas pessoas não pretende se envolver mais. É normal hoje vermos pessoas relatando o afastamento das redes sociais, e buscando novas experiências no mundo externo. O uso excessivo das redes sociais tem direta relação com o aumento em doenças psicológicas  da população, caso que tem se agravado com o período de pandemia, onde aquilo se tornou todo nosso contato social. Com isso talvez voltar as redes sociais a suas estruturas básicas não seja uma má ideia.

Ou então, pode ser apenas pessoas que sentiram a nostalgia e resolveram participar do site, porém logo passa.

O que sabemos por enquanto é que a plataforma de An não para de ganhar seguidores. Não vemos muito brasileiros, talvez pelo site estar todo em inglês, mas acredito que logo veremos mais Brasil por lá.

Matheus Audan

Músico, compositor e roteirista com o pé esquerdo afundado na arte e o pé direito querendo ser o esquerdo.

× Curta Music Non Stop no Facebook