Grammy 2021

Grammy 2021 terá cerimônia de premiação exclusiva para as mulheres da indústria da música. Veja quem são as artistas confirmadas até agora

Jota Wagner
Por Jota Wagner

Pela primeira vez em sua história, o prêmio Grammy fará um evento especial dedicado à presença feminina na indústria da música.  Engenheiras de som, produtoras e artistas concorrerão em uma cerimônia integrada à Grammy Week

Pela primeira vez em sua história, o Grammy 2021 Awards fará uma cerimônia exclusiva para premiar mulheres que atuam na indústria da música.

O Women In The Mix acontecerá dia 8 de março e abre os eventos da chamada Grammy Week, totalmente online em 2021.  A cerimônia tradicional, com transmissão pela TV, acontece no dia 14.  Indicadas às categorias de Melhor compositora, melhor cantora, melhor engenheira de som e melhor produtora, entre outras, serão escolhidas por um júri também feminino.

O evento é resultado de um esforço da associação organizadora, chamada The Recording Company em “diminuir a distância entre gêneros na indústria da música”.  Durante os 47 anos de história do prêmio, apenas oito mulheres foram indicadas à categoria de “Produtora do Ano”, sendo que quatro delas foram parcerias com produtores.  As indicadas foram Paula Cole (1997), Sheryl Crow (1998), Lauryn Hill (1998), e Linda Perry (2018). A associação também promete promover a interação entre profissionais reconhecidos e aspirantes através de mentorias e workshops.

 

Grammy 2021

foto: divulgação / Anthony Barboza

Nomes como Ingrid Andress, Cyndi Lauper, MC Lyte e Sheila E já foram confirmadas para o evento. As bases da cerimônia foram lançadas em 2019, com o evento “Women In The Mix Pledge”. Veja quais presenças estão confirmadas pela organização do evento até agora:

Ingrid Andress, indicada como cantora / compositora

Denisia “Blu June” Andrews, indicada como cantora / compositora

Brittany “Chi” Coney indicada como compositora

Rocsi Diaz, apresentadora de TV

Chloe Flower, pianista clássica e compositora

Cyndi Lauper, ganhadora de um Grammy como cantora / compositora

EveAnna Manley, presidente da empresa de equipamentos Manley

MC Lyte, indica como melhor rapper

Piper Payne, engenheira de masterização

Sheila E., indicada como melhor percussionista

Ebonie Smith, produtora musial, engenheira, cantora e compositora

Tina Tchen, presidente da Time´s Up

Staff e parceiros da Recording Academy:

Harvey Mason jr., presidente

Christine Albert, diretora de parcerias

Tammy Hurt, vice diretora de parcerias

Valeisha Butterfield Jones,  diretora do departamento para a diversidade, equidade e inclusão

Ruby Marchand, diretora

Kelley Purcell, vice presidente de relações públicas

Maureen Droney, diretora do departamento técnico e de engenhearia

Tera Healy, diretora senior da região leste

Leslie Ann Jones, vencedora do Grammy como engenheira e parceira.

 

 

 

Jota Wagner

Jota Wagner escreve, discoteca e faz festas no Brasil e Europa desde o começo da década de 90. Atualmente é editor chefe do Music Non Stop e produtor cultural na Agência 55. Contribuiu, usando os ouvidos, os pés ou as mãos, com a aurora da música eletrônica brasileira.

× Curta Music Non Stop no Facebook