“Energia Solar”, composição inédita de Paulo Leminski, ganha versão de Bruna Lucchesi

Letty
Por Letty

Cantora, compositora e instrumentista curitibana, Bruna Lucchesi dá vida à composição Energia Solar, de Paulo Leminski. Os versos foram descobertos por ela no songbook que ganhou de presente de Estrela Ruiz, filha do poeta.

Simplesmente uma canção inédita de Leminski. Trazer à vida e à música a poesia de escritores canônicos da literatura brasileira não é uma missão para qualquer artista. Em geral, fazer uma versão/releitura de uma música é um processo que exige um duplo cuidado para harmonizar e costurar as vozes de poeta e intérprete de maneira a tornar cada interpretação única. Quando bem feito, se torna o tipo de obra que surpreende ao se revelar simplesmente uma versão. Quem não ficou em choque ao descobrir que Girls Just Wanna Have Fun não é da Cyndi Lauper?

Mas há um lindo caso de amor e parceria de longa data entre literatura e música brasileira que deixa tudo maior e mais memorável. Essa relação profunda entre poetas e intérpretes, sedimentado principalmente com Tom Jobim, Vinícius e Elis a partir da década de 60, foi capaz de inaugurar novos significados para canções-versões; o intérprete passou a ocupar um lugar de autonomia e liberdade criativa sem invadir o espaço do compositor. Nesse sentido, a poética de Paulo Leminski sempre deu margem para que muita música se concretizasse a partir de sua obra.

Realizar esse feito de maneira bela e zelosa é tarefa para artistas que podem ser contados nos dedos. E este seleto rol, composto por nomes como Itamar Assunção, Zélia Duncan, Moraes Moreira, José Miguel Wisnik e Ney Matogrosso, acaba de ganhar mais um nome: Bruna Lucchesi.

Leminski

Bruna Lucchesi / Divulgação.

Tudo começou quando a cantora, compositora e instrumentista ganhou o songbook de Paulo Leminski em seu aniversário, presente da filha do escritor, Estela Ruiz. Após uma pesquisa, Bruna descobriu que a composição Energia Solar ainda não havia sido gravada. E assim ela decidiu fazer a sua própria versão e mostrá-la a Estrela. “Um ano depois, em agosto de 2019, Estrela me ligou me convidando para tocar a mesma canção na edição comemorativa do Sofar Sounds Curitiba pelos 75 anos do Leminski. Eu abri o show, que era um grande encontro dos amigos e parceiros do poeta, cantando e tocando esta canção”, conta a artista.

O trabalho ficou tão fosforescente e radioativo, como diz o poema, que mereceu tomar forma de single e vir acompanhado de um clipe leve, quente e delicioso. Lançada ontem, Energia Solar foi produzida por Ivan Gomes, mixada por Murilo Gil e masterizada por Arthur Joly. O clipe conta com direção e filmagem de Amabile Barel, edição de Rafaela Soli e design de Gio Soifer, e pode ser apreciado aqui:

 

× Curta Music Non Stop no Facebook