DJ

Super guia Music Non Stop com muito festival e a volta gradativa dos rolês presenciais

Por Amanda Sousa
Nesta edição do Super Guia Music Non Stop a gente já começa a falar de mais eventos que acontecem em formato presencial. E nossa, que delícia é poder voltar a noticiar isso… que alívio 🖤
Claro que, ainda é importante tomar todos os cuidados necessários. Dentre os rolês, tá rolando o evento oficial de lançamento do Selo IGUAL, do Women’s Music Event. O rolê acontece lá na Heavy House. E, olha que máximo, o DJ KL JAY retorna ao palco do Studio SP com o projeto inédito Zumbi Funk. Vai ter muita coisa legal no Centro Cultural, Bienal, Planetário, teatro, mostras de cinema e festivais.

Selo IGUAL

O WME (Women’s Music Event) lançou recentemente o Selo IGUAL, que convida festivais, festas, clubs e casas de shows a ter pelo menos metade de seu staff (entre artístico e produção) composto por mulheres, pessoas não-binárias ou trans. O lançamento oficial do selo já tá rolando desde a quarta-feira na Heavy House, em São Paulo e vai até esta sexta-feira, quando a casa será tomada por um elenco estrelado de mulheres em sua cabine e também nas projeções. O evento, aberto ao público, seguirá todas as normas da Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo obrigatório o uso de máscaras e apresentação de comprovante de vacinação.

O selo IGUAL já começa com grandes parceiros da cena musical como Heavy House, Se Rasgum, Coquetel Molotov, Bananada, Sim São Paulo, Sarará Balaclava. A iniciativa é inspirada na organização Keychange, um selo global que trabalha com a certificação de eventos musicais em 12 países e é responsável por importantes dados, como a porcentagem de mulheres no chart top 100 da Billboard (no qual apenas 20% são mulheres) e que os homens representam 95% da força de trabalho nas maiores orquestras do mundo.

_Sex :: DJ $ophia ( @djsophia_ ), Mayra Maldjian ( @maymaldjian ) e Dj Cinara ( @djcinara )
_Sáb :: Djeizza ( @djeizza ) e From House to Disco ( @fromhousetodisco )
_Dom :: Jazzy Sundays com Marilia Tardelli ( @marilia_tardelli ) e DJ Beto Chuquer ( @betuquer ).__ Apoio @heinekenbr
Serviço
Lançamento Selo Igual – WME na Heavy House
Local: Heavy House – Rua Benjamin Egas 297, Pinheiros
Horário: 18h à 01h
Valor da entrada: a partir de R$ 30*
*Entrada somente com nome na lista e apresentação de certificado de vacinação nos aplicativos ConecteSUS Poupatempo .

Heavy House

Augusta

O Studio SP reabre as portas no clássico endereço da Rua Augusta, 591, no dia 19 de novembro com o show de uma das maiores cantoras do Brasil: Céu. A paulistana faz seu primeiro show em 18 meses no palco em que lançou seu primeiro disco, Céu (2005), celebrando os 15 anos de uma trajetória brilhante na música popular brasileira. A má notícia é que os ingressos já se esgotaram.  Mas, a boa notícia é que, no dia seguinte, 20 de novembro, Kleber Simões – o DJ KL Jay – retorna ao palco do Studio SP com o projeto inédito Zumbi Funk. No Dia da Consciência Negra, a primeira edição da festa usa o gênero como ponto de partida para as experimentações sonoras características do artista. E olha só que legal, a casa também já tem a programação até o fim do ano!! Uhul \o/
19/11: Céu
20/11: Zumbi Funk – KL Jay e convidados
24/11: Cedo e Sentado – Nina Maia e Chico Bernardes
25/11: Tuyo
26/11: Chico Chico
27/11: Miranda Kassin em I Love Amy
1/12: Cedo e Sentado – Gaê e 2DE1
2/12: Noite Coala
3/12: Tiê part. Valmir Lins
4/12: Otto
8/12: Cedo e Sentado – Marina Melo e Bemti
9/12: Noite Fora do Eixo
10/12: Vang Beats – Vanguart apresenta Beatles
11/12: Del Rey
15/12: Cedo e Sentado – Trevo e Marietta
16/12: Luedji Luna + Zudizilla
17/12: Inocentes 40 Anos
18/12: Heroes – André Frateschi canta David Bowie
22/12: Bixiga 70
Os serviços de todos os shows estão neste link e também no site do Studio SP: studiospaugusta.com . Os ingressos já estão disponíveis para compra na plataforma Eventim. Em conformidade ao Decreto nº 60.488, de 27 de agosto de 2021, será obrigatório apresentar comprovante de vacinação em dia para Covid-19 para entrar no Studio SP. A falta de apresentação do Passaporte impede o acesso aos eventos. Neste primeiro momento, a casa venderá 70% dos ingressos em relação à capacidade total.
DJ

KL Jay

Centro Cultural SP

Nos dias 23 e 24 de outubro, a Coletiva Profanas leva ao Centro Cultural São Paulo a ação performativa  Ritu.1/ Penetra! Trata-se da primeira ação da série de rituais de trans-i-[ação] que a atriz, diretora, dramaturga e doutoranda da USP Manfrin vem elaborando em paralelo ao seu processo de transição hormonal.  A convite do CCSP Manfrin traz nessa retomada das atividades culturais desse importante espaço para a Arte Contemporânea, uma exploração sobre o Tempo em seu processo de transição hormonal através de uma performance de longa duração extremamente visceral.

O grupo de teatro e performance Coletiva Profana foi formado na USP – Universidade São Paulo em 2018 pelos artistas Manfrin, Vinicius de Oliveira e Dimitria a partir de uma residência artística feita no Butantã, zona oeste de São Paulo. A partir daí encenaram fRUtAS&tRANS-GRESSÃO Histórias para Tangerinas e Cavalas-Marinhos ou PALESTINA LIVRE!, de 2019, FURA! ou Um objeto de penetração, de 2020, Cartas Para(Ti), de 2021 e agora Ritu.1/ Penetra! Sempre com temática autobiográfica. Em julho de 2021, a Coletiva Profanas completou três anos de existência e lançou o site oficial do grupo, o livro Trilogia de solos para Trans-i-(acionar!) pela Editora Patuá e o longa-metragem da peça fRUtAS – o filme.

Parte 01 de um ritual de trans-i-[ação]!
Duração: 06 horas
Espaços utilizados: Rampa de entrada do primeiro piso das 16 ás 20 horas
Sala de exposições Piso Flávio de Carvalho das 20h30 ás 22

Serviço
Sábado, 23/10 – das 16h às 22h
Domingo, 24/10 – dás  15h às 21h
Gratuito

Coletivas Profanas

Foto: Julio Aracack

Planetário

O Planetário recebe novamente a audição de Music of the Spheres, do novo álbum do Coldplay neste final de semana. As sessões audiovisuais imersivas ocorrerão na sexta-feira (22) e sábado (23), às 21h, e no domingo (24), às 19h, e são gratuitas, mediante agendamento disponível a partir desta quarta-feira (20), via site https://www.ibirapueraparque.com.br/. O espetáculo será em projeção full dome, tecnologia imersiva de apresentação de vídeo, com exibição dinâmica que cria um sistema planetário imaginado pela banda por toda a cúpula. Assim, os fãs poderão contemplar a jornada cósmica que embala as 12 faixas do nono álbum do Coldplay.
Coldplay tocando em Hamburgo no festival Global Citizen

Coldplay – foto: reprodução Wikipedia

Da Terra Ao Universo

O Planetário segue com o espetáculo Da Terra Ao Universo, uma viagem deslumbrante através do espaço e do tempo que transmite, por meio de imagens e sons, o universo revelado pela ciência. A atração estará em exibição até domingo (24), com múltiplas sessões disponíveis. Além de inundar a cúpula em projeção fulldome, cada sessão tem aproximadamente 35 minutos e é recomendada para público acima de 5 anos. Os ingressos custam entre R﹩ 15,00 e R﹩ 30,00 e podem ser adquiridos pelo site https://www.ibirapueraparque.com.br/ .

Planetário também terá uma sessão cidadã, neste domingo (24), às 11h, com o espetáculo infantil Projeto Científico, lançado na última semana em comemoração ao Dia das Crianças. A atração tem 35 minutos de duração e, embora seja uma sessão infantil, é livre para todas as idades. A transmissão mostra a história de Neco e Silo, dois personagens pré-adolescentes habitantes do planeta Arconine, que acabam de ganhar um prêmio escolar por um projeto científico sobre o Sistema Solar. A entrada é gratuita, com agendamento pelo mesmo site. Vale ressaltar que os visitantes devem levar agasalho, pois a sala possui ar-condicionado.

Além disso, o Planetário voltará com a atração “Olhar o Céu de São Paulo Outra Vez” neste final de semana. A atração foi inaugurada na reabertura do local e destaca o céu de São Paulo, que há muito não se vê por causa da poluição luminosa e crescimento desenfreado da cidade. As últimas sessões irão ocorrer nesta sexta-feira (22), às 19h, e no sábado (23), no mesmo horário. Os agendamentos são liberados todas às sextas-feiras, no site Ibirapuera Parque , e os ingressos custam R﹩20 (inteira) e R﹩10 (meia-entrada).

O Planetário Ibirapuera segue todos os protocolos de segurança do Plano São Paulo contra a Covid-19. O uso de máscara é obrigatório durante toda a sessão e não será permitida a entrada de visitantes com alimentos e/ou bebidas para evitar a necessidade de retirada da máscara. É necessário chegar com antecedência de 30 minutos e não é permitida a entrada após a abertura da sessão.

Noite no Planetário no Parque Ibirapuera, em São Paulo | Divulgação: Urbia Parques

Bienal

Para quem deseja conferir a 34ª Bienal de São Paulo : Faz escuro mas eu canto, os horários disponíveis são às terças, quartas, sextas e domingos, das 10h às 19h, e às quintas e sábados, das 10h às 21h. A entrada é gratuita, sendo possível reservar uma data em Agendamento de Visitas .

Os visitantes da 34ª Bienal de São Paulo poderão conhecer o novo espaço gastronômico organizado na área externa do pavilhão. Desenvolvido em parceria entre a Urbia e a Bienal, o espaço conta com food trucks, que oferecem pastéis, sanduíches e sorvetes, e funcionarão de terça a quinta, das 10h às 19h, além de sextas a domingos e feriados, das 10h às 21h, e traz o restaurante Tetto Y Aragon, especializado na culinária hispânica, que funcionará de terça a quinta, das 12h às 19h, e de sexta a domingo e feriados, das 12h às 21h.
34ª Bienal de São Paulo

Foto: © Freddy Leal / Fundação Bienal de São Paulo

Itaú Cultural

O centenário da atriz Ruth de Souza (1921-2019) é celebrado na terceira edição do Dona Ruth: festival de teatro negro de São Paulo. O evento tem programação presencial e on-line espalhada por diversos centros culturais, incluindo o Itaú Cultural (IC). De 20 a 31 de outubro, o evento terá programação presencial e on-line espalhada por diversos centros culturais de São Paulo, como Itaú Cultural (IC), unidades do Sesc São Paulo, Museu Afro Brasil, Oficina Cultural Oswald de Andrade, Teatro João Caetano e Teatro Cacilda Becker.

A programação presente no Palco virtual do IC ocorre de 20 a 24 de outubro, totalmente on-line. A abertura do festival marca também a primeira apresentação artística no palco físico da organização, na Avenida Paulista. Sem público presencial, a programação será transmitida ao vivo no  canal no YouTube e no site. A noite conta com performance de Luz Ribeiro em homenagem aos 100 anos de Ruth de Souzashow de Anelis Assumpção.

Dona Ruth: festival de teatro negro de São Paulo
quarta 20 a domingo 24 de outubro de 2021
quarta a sábado 20h e domingo 19h
on-line – YouTube e Sympla/Zoom

crédito: Dona Ruth: festival de teatro negro de São Paulo

Teatro

Entre os dias 24 de outubro e 4 de novembro, o site e o YouTube do Itaú Cultural apresentam a peça Cabelos arrepiados, da Buia Teatro Company, de Manaus (AM). O musical infantojuvenil conta a história de cinco crianças que não conseguem dormir. Ao mesmo tempo que enfrentam os efeitos da privação de sono e de sonhos, elas refletem sobre temas como a amizade, o diálogo com os pais e os perigos do consumismo e da destruição do meio ambiente.

Cabelos arrepiados [com interpretação em Libras e audiodescrição]
domingo 24 de outubro até quinta 4 de novembro de 2021
on-line – site e YouTube do IC
[duração aproximada: 50 minutos]

Cinema

Pelo quinto ano consecutivo, a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo realiza, em parceria com o Itaú Cultural (IC), o Fórum Mostra, um espaço voltado às discussões sobre os aspectos políticos, econômicos e criativos do audiovisual. Em 2021, como no ano passado, o evento acontecerá ainda de forma virtual e será transmitido pelo canal da Mostra no YouTube nos dias 27, 28 e 29, com mesas sendo realizadas em dois horários: às 11h e às 15h. Anote na agenda! Os debates, além de procurar abarcar as novas questões mercadológicas e estéticas que se impuseram ao cinema recentemente, expandem-se para a cultura como um todo.

V Fórum Mostra

quarta 27 a sexta 29 de outubro de 2020
às 11h e às 15h
on-line – no canal da Mostra Internacional de Cinema no YouTube

quarta 27 de outubro / O audiovisual pós-pandemia

às 11h
Novas telas, novas regras
Com Andressa Pappas (Motion Picture Association), Felipe Lopes (Vitrine Filmes) e Marcelo Bechara (Grupo Globo)
mediação Ana Paula Sousa, coordenadora do Fórum Mostra

às 15h
Ainda é tudo cinema?
Com Caco Ciocler (O Melhor Lugar do Mundo É Agora), Andréa Beltrão (Antígona 442 a.C.) e Luís Urbano (Diários de Otsoga)
mediação Guilherme Genestreti, editor-adjunto de cultura da Folha de S.Paulo

quinta 28 de outubro / Os tempos híbridos

às 11h
A realidade animada
Com Ducca Rios (Meu Tio José), César Cabral (Bob Cuspe – nós não gostamos de gente) e Célia Catunda (Kiko Mistrorigo)
mediação Helen Beltramé-Linné, roteirista e consultora de roteiro

às 15h
O online veio para ficar?
Com Fernanda Feitosa (SPArte), Arthur Nestrovski (Osesp) e Renata de Almeida (Mostra)
mediação Ana Paula Sousa, coordenadora do Fórum Mostra

sexta 29 de outubro / A cultura e a política

às 11h
Cultura, Estado e burocracia
Com Eduardo Saron (IC), Alfredo Manevy (gestor e pesquisador) e Claudinelli Moreira Ramos (gestora e pesquisadora)
mediação Ana Paula Sousa, coordenadora do Fórum Mostra

às 15h
Política audiovisual: impasses e saídas
Com Viviane Ferreira (SPCine), Diane Maia (Dueto Produções) e Carla Francine (Casa de Cinema de Olinda)
mediação Ana Paula Sousa, coordenadora do Fórum Mostra

Mostra PLAY!

Uma famosa pista de skate em São Paulo será ressignificada nas noites de 30 e 31 de outubro. Enquanto skatistas convidados pelo projeto Love CT realizam suas manobras na pista do CEU Inácio Monteiro, na Cidade Tiradentes, a mesma se torna a interface da obra de arte digital Pista Pixel: SK8 Mapping na Cidade Tiradentes.

30 e 31 de outubro
Das 18h30 às 23h
Pista de Skate do CEU Inácio Monteiro
Rua Barão Barroso do Amazonas, s/n – Guaianases, Cidade Tiradentes, São Paulo.
Grátis

Os artistas do Coletivo Coletores. Foto: Carlos BPE

Carnaval

O artista baiano Guigga volta a Salvador na próxima quinta feira, 28 de outubro com o bloco Me Leva,  a estreia aconteceu  no dia 19. O show acontece na Arena Sesc-Senac Pelourinho, a partir das 20h, e irá contar com participações especiais de Ana Paula Albuquerque e Lucas Gerbazi, que irão potencializar a presença dos artistas do interior na capital baiana.

O momento também coincide com o lançamento do videoclipe Xylocaína, sob a direção do artista visual Felipe Bezerra (diretor do clipes “Alfazema” e “Capim Guiné” do Baiana System), marcando a nova fase de Guigga. A canção esteve presente no seu primeiro álbum solo, “Divino e Ateu” – que lhe rendeu o prêmio de Melhor Intérprete Masculino na categoria Show no Prêmio Caymmi de Música – e recentemente ganhou uma remixagem do DJ Mangaio (OQuadro). Assista ao clipe de Xylocaína aqui.

Bloco Me Leva | Guigga convida Ana Paula Albuquerque e Lucas Gerbazi
Data: 28 de outubro de 2021
Horário: 20h
Local: Arena Sesc Senac Pelourinho
Ingressos: R$40,00 / R$20,00*
Vendas: https://www.sympla.com.br/produtor/guigga
*Ingressos limitados respeitando o protocolo de funcionamento das atividades para eventos culturais e artísticos do DECRETO nº  34.424, de 10 de setembro de 2021 e alterações posteriores.

Caos Cub

O caos Club, em Campinas, tem rolê neste sábado a partir das 16h. O local funciona com capacidade reduzida e é obrigatório apresentar cartão de vacinação. Reservas online aqui. Endereço: R. Luís Otávio, 2995 – Parque Taquaral, Campinas – SP.

Atrações:
Cashu
Entropia
Martinelli
Mary Roman
Moretz
espaço com mesas e cadeiras

Caos Club. Foto @facebook.com/ocaos019

Club Jerome

A partir desta sexta-feira o Club Jerome já começa com uma programação de tirar o fôlego só com gente boa! Se puder, chegue cedo ou reserve antecipadamente para garantir a entrada, pois o local trabalha com capacidade reduzida. Além disso, é necessário apresentar o comprovante de vacinação, portanto, baixe o app e-SaúdeSP para facilitar na hora de entrar no local. . Reserva de mesa por DM ou pelo whats: (11)96175-6328. O Club Jerome fica na Rua Mato Grosso, 398.
Sexta e sábado das 20h às 04h
Sex – Valentina Luz (SmartBiz), From House to Disco (Coletivo Elas que Lutem)
Sab – Houseira com Paula Pretel (@pretelfoods), Roque Castro e Dj Mau Mau
Domingo – das 18h às 01h
Estreia da festa presencial da THIS IS MY HOUSE do DJ Mimi da Silva. Além dele, tem Hugo Valle, Aka Lindagreen e Mari Rossi

Galeria 1212

No próximo domingo, o lifestyle da Tattoo e do Piercing vai tomar conta da Galerìa 1212! Vai rolar por lá a primeira edição do Black Heart Festival, evento que chega para celebrar a cultura da tatuagem e levar para Campinas a diversidade de experiências e expressões artísticas que essas vivências promovem. A partir das 10h da manhã, o som começa a tocar e drinks, pizzas, burgers e muita arte se espalham por todos os cantos, aproveite!
10:30 às 12:30 – DJ Orlando
12:30 às 14:30 – DJ Barata
14:30 às 16:30 – Banda Katracácustica
+ Live Paint – @maicongo
Entrada R$10
Endereço: Rua Antonio Lapa,  – Campinas

Galeria 1212. Foto reprodução @facebook/galeria1212campinas

Festival Mix Music

Cm uma programação cultural voltada ao público LGBTIA+ com transmissão online realizada pelo instagram das Fábricas de Cultura ( @fabricasdecultura ), neste sábado, 23 de outubro a partir das 15h, acontece o Festival Mix Music. Este é o primeiro festival de música voltado para o público LGBTIA+ no Brasil e existe desde 2000, como o braço musical do festival de cinema e artes integradas Mix Brasil. Criado pelo produtor e ativista Andre Pomba, e com curadoria de Hanilton Medeiros, este ano, o festival completa 22 anos. Para esta edição, rola show com a Banda Clandestinas . A liberação parcial de público presencial está limitado a 60% da capacidade do teatro, com ingressos gratuitos por ordem de chegada.

Ballroom Festival

No próximo dia 24 de outubro, às 20h, Biel Lima assume os palcos do CCSP, em São Paulo, para encerrar a intensa programação do inédito Ballroom Festival. A escolha do nome para compor a programação não é coincidência. Biel Lima é conhecido por ser chanter (cantor/mestre de cerimônias das Balls) e também performer nas categorias Runway e Soft and Cunt, somando na Kiki House of Mutatis, House of Zion e Coletivo AMEM – que foi muito importante por difundir no Brasil a cultura dos bailes. Além disso, o artista foi responsável, ao lado de EVEHIVE, pela produção do single  “Creme”, single com participação de Zaila. Faixa é vogue beat, gênero musical que se ascendeu na ballroom, derivado da disco music e house music.
Ao todo, o show terá duração de uma hora, intercalando performances de dançarinas com coreografia do pioneiro Felix Pimenta e discotecagem do próprio músico. “Será um evento dançante e alegre que marcará a minha volta para as apresentações presenciais”.
SERVIÇO
Biel Lima faz show de encerramento do Ballroom Festival
24 de outubro, domingo, às 20h
No Centro Cultural São Paulo
Entrada Gratuita

Biel. Foto: Luan Batista

Amanda Sousa

Amanda Sousa é mãe, feminista, tem 30 anos e é formada em Comunicação Social. Natural de São Paulo, atualmente mora em Jundiaí. É apaixonada por música desde que se entende por gente. Vai do punk ao pop, gosta de descobrir sons em todas as vertentes.

× Curta Music Non Stop no Facebook