Paulo Miklos com o violão

Super Guia do feriadão traz Paulo Miklos, Baco Exu do Blues e muitos festivais para curtir

Por Amanda Sousa

Que tal curtir em casa os eventos que acontecem online neste feriadão prolongado, hein?!

Super guia do final de semana! Tem muuuuita coisa boa e a gente começa com o EmCasaComSesc que traz Alessandra Leão, Paulo Miklos, além de apresentações teatrais. Tem a continuação do festival Rumpilezz que traz Baco Exu do Blues e muitas outras atrações incríveis. Tem muito festival essa semana, entre eles o Festival Malungo e o Favela Sound, dá uma olhada e bom proveito!

 

 

#EmCasaComSesc

A plataforma #EmCasaComSesc traz sempre uma programação diversificada ao vivo e na internet.  As transmissões acontecem de terça a domingo, às 19h, no Instagram Sesc Ao Vivo e no YouTube Sesc São Paulo . Hoje, tem Alessandra Leão em Macumbas e Catimbós. A transmissão acontece direto do Sesc Pinheiros e tem classificação indicativa livre.

Amanhã, dia 10,às 19h tem Paulo Miklos em A Gente Mora No Agora. Com transmissão direto do Sesc Pompéia.  O cantor e compositor Paulo Miklos sobe ao palco para apresentar o show A Gente Mora No Agora, homônimo ao seu primeiro disco solo após a saída dos Titãs. O repertório reúne canções do trabalho, a exemplo da faixa “Vou Te Encontrar”, além de sucessos dos Titãs, como “Pra Dizer Adeus”, “Flores”, “Comida”, “É Preciso Saber Viver” e “Sonífera Ilha”.

Paulo Miklos. Foto Jonas Tucci

Confira a programação para os próximos dias 
10 de julho, sábado, 15h
Crianças #EmCasaComSesc
Catarsis Arte para Infância e Juventude em “Scaratuja”
Com: Aline Volpi e Vladimir Camargo
Concepção, direção e dramaturgia: Marcelo Peroni
11 de julho, domingo, 19h
Teatro #EmCasaComSesc
Izak Dahora, Rodrigo França e Drayson Menezzes em “O Encontro – Malcolm X & Martin Luther King Jr.”
Texto: Jeff Stetson
Tradução e adaptação: Rogério Corrêa
Direção: Isaac Bernat
Músicos: Caio Nunes e Thallyssiane Aleixo

O Encontro – Malcolm X & Martin Luther King Jr. Foto Julio Ricardo

Rumpilezz

Tá rolando desde o dia 6 de julho, mais uma edição online do Festival Rumpilezz. O rolê vai até o dia 11 e a ideia é afirmar que nossa música é afro-brasileira. Além de shows, também tá rolando laboratórios, oficinas e webdocumentários. Todas as atividades são gratuitas e transmitidas no YouTube.

Larissa Luz e Baco Exu do Blues participaram do Laboratório Experimental, ao lado de jovens músicos do Programa Rumpilezzinho. E, juntos, eles criaram os videoclipes “Cante pra Chamar” e “Oração à Vitória”, respectivamente. Você confere o lançamento hoje, às 20h.

Vai rolar também o Concerto Instalação, uma proposta inovadora que incorpora, no improviso, os famosos delays. Participam dessa intervenção o maestro Letieres Leite, o guitarrista baiano Junix, o produtor e DJ húngaro Szabolcs Bognár e o jazzista Hock Ernő (também da Hungria). A atividade acontece ao vivo no dia 10, às 20h. No dia 11, a  Orkestra Rumpilezz encerra o evento em grande estilo.

AfroPop

Nos dias 10 e 11 de julho, a partir das 19h, artistas se unem para mostrar a diversidade rítmica da música brasileira. A transmissão online acontece pelos canais do YouTube de Margareth Menezes – a anfitriã – e da TVE Bahia.  Além dos shows, o festival apresenta depoimentos de grandes artistas brasileiros fundamentais na formação das referências afro-urbanas atuais. Vai rolar Olodum, Dão, Panteras Negras feat Tulani Masai e Cronista do Morro.

Olodum no Pelourinho

Olodum em apresentação no Pelourinho. Arquivo Agência Brasil

Legato

Por conta da pandemia, as livestreams viraram o palco para muitos músicos. Pensando nisso, a plataforma Legato, focada em ajudar a indústria da música, coloca no mundo três shows. O lineup dessa vez, conta com Gravnave, Pélico e Saulo Duarte. A transmissão acontece entre os dias 15, 16 e 18 de julho, pelo ww.legato.events. E olha que legal, a plataforma abriu as inscrições para artistas se inscreverem e agendarem os seus shows com autonomia para escolher: preço de ingresso, data, duração e formato da live.

Data: de 15 a 18 de julho
Horário: sempre às 20h
Onde: https://legato.events/
Ingressos: R$ 26,00

é Pelico

Zé Pélico. Foto Caroline Bittencourt

Som na Faixa

Até o dia 18 de julho, sempre às 19h, vai rolar o festival Som na Faixa, em uma edição virtual com transmissão no Youtube e no Facebook da Muda Cultural, realizadora do evento. O line-up é poderosos e traz Toninho Ferragutti, Neymar Dias, Ricardo Vignini, Osni Ribeiro, Gabriel Souza, Nayra Jaine, Fabiola Beni, Alessandro Penezzi, Arnaldo Freitas, Marina Ebbecke, Gabriel Souza e Nayra Jaine. Demais, né?!

Nesta sexta-feira, 9, tem Fabiola Beni com uma profunda imersão nas raízes da música caipira e da MPB. Já no sábado tem Ricardo Vignini. O domingo traz Alessandro Penezzi Arnaldo Freitas. Acompanha aqui que semana que vem a gente traz o restante da programação.

Festival Malungo

De segunda a segunda, sempre às 21h, até o dia 12 de julho acontece, no canal da Pôr do Som no YouTube, o Festival Malungo. Os artistas fazem apresentações que revelam como a matriz africana está presente na música popular brasileira. Confira a programação completa para os próximos dias.

Sexta (9): Grupo Paranapanema em Segura Nessa Pisada
Sábado (10): Luana Bayô em Tambú
Domingo (11): Mestre Plinio e Angoleiro Sim Sinhô em A Luta Continua
Segunda (12): Fanta Konate em Donabá

Até o dia 19 de julho rola o 13º Festival de Circo e Artes de Rua. O evento, online e gratuito, marca os 18 anos da ocupação artística Circo no Beco, tradicional coletivo sediado na Vila Madalena, em São Paulo. As atrações são exibidas pelo site oficial do evento, pela Twitch, pelo YouTube, pelo Facebook @circonobeco, pelo Instagram @circonobeco e pelo TikTok. dia 11 de julho o Mustache e os Apaches se apresenta, às 20h. Confira aqui a programação completa do evento. 

Favela Sounds

A 5ª edição do Festival Favela Sounds – Festival Internacional de Cultura de Periferia –  acontece de 7 a 11 de julho de forma online e gratuita. Todas as atrações ocorrem das 17h às 23h30, com exceção do sábado, por que neste dia a festa vai até a madrugada, no canal da Twitch. Confira a programação no Instagram @favelasounds ou no Facebook @favelasounds. E fica ligado na plataforma oficial do evento!

O sábado (10) é dedicado à saúde mental e a importância do autocuidado, retomando o debate iniciado ano passado durante a campanha Favela Cuida. O fechamento é das mulheres, com programação exclusivamente feminina e temas diversos, comprovando que lugar de mulher é onde ela quiser e lançando uma nova campanha para o festival: a Favela Delas.

MC Mari. Foto Remini

Amanda Sousa

Amanda Sousa é mãe, feminista, tem 30 anos e é formada em Comunicação Social. Natural de São Paulo, atualmente mora em Jundiaí. É apaixonada por música desde que se entende por gente. Vai do punk ao pop, gosta de descobrir sons em todas as vertentes.

× Curta Music Non Stop no Facebook