Ruby, nova aposta do pop nacional, lança o hit ‘Chapadin de Amor’

Por Itaici Brunetti

É de Minas Gerais, terra de Skank, Jota Quest, Pato Fu e Clube da Esquina, que vem a nova aposta do pop nacional, encontrada e produzida pelo DJ e produtor Papatinho. Seu nome é Ruby e acaba de lançar o primeiro single Chapadin de Amor, pela Universal Music e GTS.

Ruby, que se chama Camila Gomes no RG, começou a cantar na igreja aos 3 anos de idade em Belo Horizonte, e seguiu até os 18. Nesse meio tempo, foi conhecendo vários gêneros musicais como o jazz, R&B, hip-hop, soul music, rock, pop e ampliando o seu horizonte, além de se aperfeiçoar na técnica vocal.

“Minha diva suprema sempre foi a Nina Simone”, conta Ruby ao Music Non Stop sobre as suas influências na música. “Amo também Michael Jackson, James Brown, Queen, Rihanna, Beyoncé e agora a Lizzo, que é maravilhosa. Além das referências brasileiras, de MPB, que amo muito”, diz ela.

Papatinho já trabalhou com Anitta, Criolo, Gabriel O Pensador, Marcelo D2, Mc Guimê e estava a procura de uma nova cantora para investir. Foi quando encontrou Ruby. “Eu precisava de uma artista feminina emblemática, pois estava produzindo diversas músicas para esse segmento. Comecei minhas buscas por uma mulher de personalidade e foi então que a descobri na internet”, conta ele, que rapidamente a convidou para gravar algumas canções.

“No estúdio, Ruby se mostrou muito criativa e musical, se envolvendo nas composições, já que escreve muito bem. Sua expressão artística foi evidente em diversos aspectos, que vão desde a dança até, obviamente, as habilidades vocais ímpares que possui”, completa Papatinho.

 

 

O primeiro single, Chapadin de Amor, é uma canção que como o próprio nome diz, deixa o ouvinte com aquele sentimento bom de apaixonado lá nas alturas. “Chapadin foi criada no estúdio logo que conheci o Papatinho. Nasceu da leveza e do sentimento que a música traz, de você estar curtindo a sua vibe e a sua onda. Essa é a vibe boa que quero passar”, explica Ruby.

Sobre o lançamento, a cantora só tem a comemorar: “É muito gratificante pra mim. Conheço muitas pessoas, artistas que estão correndo atrás, fazendo os seus trabalhos autorais e sei da dificuldade de conseguir chegar ao mercado com uma grande gravadora como a Universal Music, apostando e acreditando no meu trabalho. Estou feliz demais”.

Depois de Chapadin de Amor, Ruby e Papatinho já estão com os próximos passos planejados. “Temos cinco músicas no forno e o próximo single está muito lindo, só não posso revelar com quem é [a participação]. Não posso dar muitos detalhes do nosso planejamento que está maravilhoso, mas vamos contando aos pouquinhos (risos)”, adianta ela.

Com a estreia, a mineira espera poder colocar o nome de Belo Horizonte no mapa do pop novamente: “Quero muito ser uma representante da minha cidade no pop nacional, e quem sabe no internacional futuramente”.

 

 

× Curta Music Non Stop no Facebook