O novo Pet Shop Boys sai em abril e aproveitamos pra revisitar a carreira da dupla mais bafo do pop eletrônico

George Mendez
Por George Mendez

12548995_10153797412651285_9132860005865924721_n

Prestes a lançar em abril seu 13° álbum de studio (Super), produzido e mixado por Stuart Price, os Pet Shop Boys – que já se chamaram West End – já passaram dos 30 anos de estrada e são considerados um dos duetos mais bem-sucedidos da indústria fonográfica, com mais de 120 milhões de discos vendidos no mundo inteiro. Prestígio? Também têm de sobra, foram indicados (em 2006) a dois prêmios Grammy (pela música I’m With Stupid e pelo álbum Fundamental). O novo álbum já tem single maravilhoso na praça, Inner Sanctum, sente a modernidade.

Pet Shop Boys – Inner Sanctum

Formado em História, Neil Francis Tennant (nascido em 1954) já trabalhou como editor correspondente para a Marvel Comics e como jornalista na revista inglesa Smash Hits. Christopher Sean Lowe (1959) estudou Arquitetura. Se conhecerem por casualidade em 1981, em uma loja de eletrônicos na Kings Road em Londres. Em 1984, pelas mãos do produtor americano Bobby Orlando, lançaram o single West End Girls, porém o sucesso só veio 1 ano depois, quando a  mesma West End Girls foi produzida novamente por Stephen Hague para a Parlophone/EMI, alcançando o número 1 nos mais importantes charts do globo, incluindo a Inglaterra e os Estados unidos.

Pet Shop Boys – West End Girls

Atravessaram as décadas sempre inovando e influenciando as velhas e novas gerações. Tanto que em 2006 duas suecas formaram o dueto West End Girls e lançaram um álbum só de covers dos próprios PSB chamado Goes Petshopping.

West End Girls – Suburbia

Eles nunca esconderam sua paixão pelos musicais e já assinaram e coproduziram  o  musical Closer to Heaven, escrito com Jonathan Harvey. Em 2004 executaram ao vivo em evento gratuito na Trafalgar Square em
Londres junto com a Orquestra Sinfônica de Dresden a trilha sonora para o filme russo Battleship Potemkin (Filme mudo de 1925). Ainda vale ressaltar as trilhas para My Dad’s A Birdman (2010) e The Most Incredible Thing (2011), composta para um balé em colaboração com a Orquestra Wroclaw Score.

Pet Shop Boys ao vivo na Tralfagar Square (Londres)

Listar hits dessa dupla é fácil. Todo mundo já ouviu mesmo sem querer, seja no rádio, no walkman, no ipod ou até em alguma novela global (onde eles já emplacaram seis músicas, pasmem!). Mas o Music Non Stop quis listar 10 colaborações, remixes ou artistas que os PSB produziram e deram seu selo sonoro e que pouca gente (fora os fãs de carteirinha) conhece.

TOP 10 PET SHOP BOYS MUSIC NON STOP

1.  Boy George – The Crying Game (1992)

Trilha sonora do filme de mesmo nome, foi produzida e tem backing vocals dos PSB.


2. Madonna – Sorry (2005)

O remix ficou tão bom que Madonna utilizou ele na turnê do álbum Confessions Tour de 2006. Detalhe: o remix tem vocais extras de Neil.

3. Tina Turner – Confidential (1996)

Tina gravou Confidential (1996), escrita pelos Pet Shop Boys, que depois lançaram em 2012 no álbum Format (B-Sides And Bonus Tracks 1996‎–2009)” a versão demo feita para Tina.

4. David Bowie – Hallo Spaceboy (1995)

Produzida por PSB, virou single e Bowie e a dupla se apresentaram juntos ao vivo no Brit Awards de 1996.

5. PSB feat. Kylie Minogue – In Denial (1999)

Kylie fez um dueto em In Denial para o álbum Nightlife dos PSB.

6. Robbie Williams e PSB – She’s Madonna (2207)

Robbie Williams e os Pet Shop Boys fizeram inúmeras parceiras, em No Regreats (1998) Neil Tennant fez backing vocals. She´s Madonna foi produzida e escrita pelos PSB, e We’re The Pet Shop Boys foi um dueto realizado em 2008.

7. Girls Aloud – The Loving Kind (2008)

Os Pet Shop Boys co-escreveram e produziram a canção The Loving Kind do álbum Out of Control do grupo, de 2008.

8. Eight Wonder – I’m Not Scared (1998)

A banda inglesa regravou I’m Not Scared no mesmo ano em que ela foi lançada pelos PSB (1998), no álbum Introspective. Ela também foi produzida pelos PBS.

9. Sam Taylor-Wood – I’m In Love With A German Film Star (1998)

Saiu pelo selo alemão Kompakt e com remix de Gui Borato e tudo. Foi produzida pelos PSB.

10. Dusty Springfield – In Private (1990)

Dusty Springfield teve quatro faixas do seu álbum Reputation produzidas pelos PBS. Destaque para In Private

Mas pra você que não conhece nada e quer se aprofundar mais, indicamos o DVD Pet Shop Boys Life In Pop com mais de 175 minutos de duração, em formato de documentário e, claro, a lista cronológica dos álbums de estúdio.

Já é um começo né ?

Please (1986)

Actually (1987)

Introspective (1988)

Behaviour (1990)

Very (1993)

Bilingual (1996)

Nightlife (1999)

Release (2002)

Fundamental (2006)

Yes (2009)

Elysium (2012)

Electric

Super (2016)

12647379_10153810703611285_5810730870715284636_n

Perguntamos a alguns membros fanáticos do grupo PSB no Brasil, um divã de informações e troca de figurinhas entre fãs roxos do duo, qual o Top 10 PBS 4Ever de cada um. Eis o resultado.

LUCINANO LUPPI

1. The End of the World
2. Jack the Lad
3. Beautl People
4. King of Rome
5. Listening
6. I get Along
7. The Love Kind
8. Night Song
9. After All
10. A man for the future

MARCO LUNA

1. Rent
2. Home and Dry
3. Being Boring
4. West End Girl
5. What have I done to deserve this?
6. It´s Alright
7. Jealousy
8. Left To My Own Devices
9. My Ocotber Symphony
10. You Only Tell Me You Love Me When You’re Drunk

GILMAR JUNIOR

1. It´s alright
2. Being Boring
3. Miserablism
4. I want to wake up
5. West end girls
6. It´s a sin
7. Home and Dry
8. Left to my own devices
9. Nightlife
10. Fluorescent

EDDE CALVANCANTI

1. It’s a sin
2. I´m not scared
3. Losing my mind
4. Being Boring
5. So hard
6. Miserablism
7. Go west
8. Liberation
9. Yestarday when I was mad
10. Memory of future

× Curta Music Non Stop no Facebook