Nick Cave mantem diário online onde responde diretamente perguntas dos fãs em seu Red Hand Files

Jota Wagner
Por Jota Wagner

No site The Red Hand Files, qualquer um pode enviar perguntas diretamente a Nick Cave, que as seleciona e responde de forma rica e pessoal.

 

Se você gosta da intersecção entre música e literatura, frequentou o inferninho underground de sua cidade ou simplesmente gosta de roupa preta, certamente já ouviu (ou idolatra), o cantor, compositor, frontman e arquétipo cool Nick Cave.

À frente dos Bad Seeds, rodou o mundo a partir de 1983 soltando discos clássicos de rock encharcados de baladas melancólicas e profundas, mantendo ao estilo a respeitabilidade sustentada por outros ícones da arte pensante como Bob Dylan e Lou Reed.

O documentário ganhador do Sundance 20.000 Dias na Terra acompanha o dia a dia do cantor nos meses que antecedem um de seus shows em Sidney e mostra o quanto personagem e “pessoa” se fundem em Nick Cave. Viver esta verdade, entregá-la em sua arte e receber de volta o que ela lhe proporciona são a receita para se fazer um herói do cool.

Fissurado em escrever (usando uma máquina datilográfica), Nick mantem há dois anos o site The Red Hand Files, onde seleciona e responde diretamente perguntas enviadas por admiradores do mundo inteiro. Até agora mais de 30.000 foram enviadas.

O site, bem como as respostas de Nick Cave, não fogem a seu estilo: é misterioso, minimalista e literário. Em uma recente pergunta, onde o leitor cita Nina Simone e o questiona sobre a frase “liberdade significa não temer”, Nick responde:

“Liberdade para mim é a capacidade de abrir mão do controle do resultado das coisas e, portanto, a esse respeito, concordo com Nina Simone; temos de ser libertados do medo. São tempos difíceis, mas, para mim, a meditação, a perda do meu filho, e até o fato de estar apenas envelhecendo, me permitiu chegar a um lugar onde não me sinto à mercê das consequências da maneira que Eu costumava – não importa tanto para mim hoje em dia o que acontece”.

O cantor trata de temas pessoais sem ressalvas em seus Red Hand Files. Ao perder a mãe recentemente, dedicou um de seus posts a agradecer às mensagens de carinho que recebeu de todo mundo. Algo incomum para um artista tão misterioso e reservado mas, como disse o próprio Nick, talvez seja só o fato de estar envelhecendo.

Nick Cave – The Red Hand Files

 

 

 

 

 

× Curta Music Non Stop no Facebook