Nascido para Matar

Trilha Sonora de Nascido Para Matar, de Stanley Kubrick, é relançada em edição de luxo e vinil colorido

Por Jota Wagner

Filme de Stanley Kubrick ganha relançamento de sua trilha sonora em versão luxuosa em vinil

Nascido para Matar (Full Metal Jacket), de Stanley Kubrick, foi lançado em 1987 e rapidamente considerado um dos mais importantes filmes sobre o conflito dos EUA com o Vietnã. Mais do que isso, um dos mais importantes filmes de guerra do cinema.

A história, que acompanha as personagens de um batalhão desde seu treinamento até o front, tem em seu ponto alto justamente seu final, apresentando ao expectador a falta de sentido daquele conflito.

DJs e apreciadores de música sempre cultuaram sua trilha sonora, que vai do surf rock pedreira de Trashmen a Frank Sinatra.

capa da trilha sonora de Nascido para Matar

Capa da reedição de Nascido para Matar – foto: divulgação

Para agradar os fãs do filme e da música, a gravadora Mondo & Deah Waltz Recording Co., especializada em trilha sonoras, relança, em edição luxuosa, a compilação musical original do filme. O produto tem capa assinada por Alan Hynes e vinil na cor camuflada.

O disco custará 30 dólares no site oficial da gravadora estará disponível a partir desta quarta, 08 de setembro.

Além disso, 30 cópias saíram como edição especial, acompanhada de um pacote de soldadinhos e bandeiras, uma bolsa especial e cartões assinados por Hynes. Vinte e cinco unidades serão distribuídas à fundação de Kubrick e a profissionais que trabalharam no projeto e 5 serão sorteadas pela Mondo.  Depois disso, estarão prontas para valer uma fortuna no mercado de discos, hoje tão aquecido.

A edição especial celebra os 10 anos de aniversário da gravadora, e já estão causando alvoroço entre colecionadores. Se você ainda não assistiu ao filme, ótima pedida para um pós 7 de setembro como o que acabamos de testemunhar no Brasil.

Leia o que disseram o pessoal da gravadora sobre o lançamento:

“Dez anos são um tempão. Nós jamais imaginamos que nosso ‘trabalho’1 de fazer discos duraria tanto. Nesse tempo, nós prensamos um incrível catálogo de vinis com alguns dos maiores compositores de todos os tempos, criando novas capas com um time de artistas incrivelmente talentosos para alguns dos mais icônicos e amados filmes já feitos. Nos aliamos a estúdios de grande porte e também aos independentes e novatos. Trabalhamos com as pessoas mais apaixonadas e inspiradoras que qualquer um poderia desejar, mas mais importante, encontramos um apoio incrível da comunidade de fãs de cinema, a qual nos sentimos honrados de pertencer. Na condição de amantes do cinema, das trilhas sonoras e do vinil, nós honestamente não podíamos encontrar um jeito melhor de passar nossos dias. E se você pensa que os primeiros 10 anos foram divertidos, nós estamos nos sentindo como meros iniciantes! — Mo Shafeek e Spencer Hickman, donos da Mondo.

 

 

 

Jota Wagner

Jota Wagner escreve, discoteca e faz festas no Brasil e Europa desde o começo da década de 90. Atualmente é editor chefe do Music Non Stop e produtor cultural na Agência 55. Contribuiu, usando os ouvidos, os pés ou as mãos, com a aurora da música eletrônica brasileira.

× Curta Music Non Stop no Facebook