indicados ao oscar

Tempo Real: Todos os indicados – e vencedores – do Oscar 2021 em um só lugar. Acompanhe nossa lista definitiva e fique por dentro da premiação

Avatar
Por Yasmine Evaristo

Os indicados ao Oscar 2021 foram anunciados e os fãs da sétima arte já começaram a maratonar todos os filmes.

A premiação acontece no próximo dia 25 de abril, às 21 horas, horário de Brasília. Acompanhe aqui  lista de indicados ao Oscar 2021

Melhor Animação

  • Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica, de Dan Scanlon
  • A Caminho da Lua, de Glen Keane e John Kahrs
  • Shaun, O Carneiro: O Filme – A Fazenda Contra-Ataca, de Will Becher e Richard Phelan
  • Wolfwalkers, de Tom Moore e Ross Stewart
  • Soul, de Pete Docter e Kemp Powers
oscar 2021

foto: frame da animação

Melhor Animação em curta-metragem

  • Toca, de Madeline Sharafian
  • Genius Loci, de Adrien Merigeau
  • Se Algo Acontecer… Te Amo, de Will McCormack e Michael Govier
  • Opera, de Erick Oh
  • Yes-People, Gísli Darri Halldórsson

Melhor Atriz

  • Viola Davis por A Voz Suprema do Blues, de George C. Wolfe
  • Andra Day por The United States vs. Billie Holiday, de Lee Daniels
  • Vanessa Kirby por Pieces of a Woman, de Kornél Mundruczó
  • Frances McDormand por Nomadland, de Chloé Zhao
  • Carey Mulligan por Bela Vingança, de Emerald Fennell

PIECES OF A WOMAN: (L to R) Shia LeBeouf as Sean and Vanessa Kirby as Martha

Melhor Ator

  • Riz Ahmed por O Som do Silêncio, de Darius Marder
  • Chadwick Boseman por A Voz Suprema do Blues, de George C. Wolfe
  • Anthony Hopkins por Meu Pai, de Florian Zeller
  • Gary Oldman por Mank, de David Fincher
  • Steven Yeun por Minari, de Lee Isaac Chung

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Maria Bakalova por Borat: Fita de Cinema Seguinte, de Jason Woliner
  • Glenn Close por Era uma Vez um Sonho, de Ron Howard
  • Olivia Colman por Meu Pai, de Florian Zeller
  • Amanda Seyfried por Mank, de David Fincher
  • Yuh-Jung Youn por Minari, de Lee Isaac Chung

Melhor Ator Coadjuvante

  • Sacha Baron Cohen por Os 7 de Chicago, de Aaron Sorkin
  • Daniel Kaluuya por Judas e o Messias Negro, de Shaka King
  • Leslie Odom, Jr. por Uma Noite em Miami…, de Regina King
  • Paul Raci por O Som do Silêncio, de Darius Marder
  • LaKeith Stanfield por Judas e o Messias Negro, de Shaka King

Melhor Direção

  • Thomas Vinterberg por Druk: Mais Uma Rodada
  • David Fincher por Mank
  • Lee Isaac Chung por Minari
  • Chloé Zhao por Nomadland
  • Emerald Fennell por Bela Vingança

Melhor Filme

  • Meu Pai, de Florian Zeller
  • Judas e o Messias Negro, de Shaka King
  • Mank, de David Fincher
  • Minari, de Lee Isaac Chung
  • Nomadland, de Chloé Zhao
  • Bela Vingança, de Emerald Fennell
  • O Som do Silêncio, de Darius Marder
  • Os 7 de Chicago, de Aaron Sorkin

Melhor Filme de Curta-Metragem (live action)

  • Feeling Through, de Doug Roland
  • The Letter Room, de Elvira Lind
  • The Present, de Farah Nabulsi
  • Two Distant Strangers, de Travon Free e Martin Desmond Roe
  • White Eye, de Tomer Shushan

Melhor Roteiro Adaptado

  • Borat: Fita de Cinema Seguinte, de Jason Woliner
  • Meu Pai, de Florian Zeller
  • Nomadland, de Chloé Zhao
  • Uma Noite em Miami…, de Regina King
  • O Tigre Branco, de Ramin Bahrani

Melhor Roteiro Original

  • Judas e o Messias Negro, de Shaka King
  • Minari, de Lee Isaac Chung
  • Bela Vingança, de Emerald Fennell
  • O Som do Silêncio, de Darius Marder
  • Os 7 de Chicago, de Aaron Sorkin

Melhor Filme de Língua Estrangeira

  • Quo Vadis, Aida?, de Jasmila Žbanić
  • Better Days, de Kwok Cheung Tsang
  • Collective, de Alexander Nanau
  • The Man Who Sold His Skin, de Kaouther Ben Hania
  • Druk: Mais Uma Rodada, de Thomas Vinterberg

Melhor Canção Original

  • “Fight for You” (Judas e o Messias Negro)
  • “Hear my Voice” (Os 7 de Chicago)
  • “Husavik” (Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars)
  • “Io Sì (Seen)” (Rosa e Momo)
  • “Speak Now”, (Uma Noite em Miami…)

Melhor Trilha Sonora

  • Terence Blanchard por Destacamento Blood
  • Trent Reznor e Atticus Ross por Mank
  • Emile Mosseri por Minari
  • James Newton Howard por Relatos do Mundo
  • Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste por Soul

Melhor Figurino

  • Emma, de Autumm de Wilde
  • A Voz Suprema do Blues, de George C. Wolfe
  • Mank, de David Fincher
  • Mulan, de Niki Caro
  • Pinóquio, de Matteo Garrone

Melhor Maquiagem e Cabelo

  • Emma, de Autumm de Wilde
  • Era uma Vez um Sonho, de Ron Howard
  • A Voz Suprema do Blues, de George C. Wolfe
  • Mank, de David Fincher
  • Pinóquio, de Matteo Garrone

Melhor Som

  • Greyhound: Na Mira do Inimigo, de Aaron Schneider
  • Mank, de David Fincher
  • Relatos do Mundo, de Paul Greengrass
  • Soul, de Pete Docter e Kemp Powers
  • O Som do Silêncio, de Darius Marder

Melhores Efeitos Visuais

  • Tenet, de Christopher Nolan
  • O Céu da Meia-Noite, de George Clooney
  • Mulan, de Niki Caro
  • The One and Only Ivan, de The Sharrock
  • Problemas Monstruosos, de Michael Matthews

Melhor Edição

  • Yorgos Lampinos por Meu Pai
  • Chloé Zhao por Nomadland
  • Frédéric Thoraval por Bela Vingança
  • Mikkel E. G. Nielsen por O Som do Silêncio
  • Alan Baumgarten por Os 7 de Chicago

Melhor Design de Produção

  • Meu Pai, de Florian Zeller.
    A Voz Suprema do Blues, de George C. Wolfe.
    Mank, de David Fincher.
    Relatos do Mundo, de Paul Greengrass.
    Tenet, de Christopher Nolan.
    tenet christopher nolan
    Tenet

Melhor Fotografia

  • Sean Bobbitt por Judas e o Messias Negro, de Shaka King
  • Erik Messerschmidt por Mank, de David Fincher
  • Dariusz Wolski por Relatos do Mundo, de Paul Greengrass
  • Joshua James Richards por Nomadland, de Chloé Zhao
  • Phedon Papamichael por Os 7 de Chicago, de Aaron Sorkin

Melhor Documentário

  • Collective, de Alexander Nanau
  • Crip Camp: Revolução pela Inclusão, de James Lebrecht e Nicole Newnham
  • Agente Duplo, de Maite Alberdi
  • Professor Polvo, de Pippa Ehrlich e James Reed
  • Time, de Garrett Bradley

Melhor Documentário em curta-metragem

  • Colette, de Anthony Giacchino
  • A Concerto is a Conversation, de Kris Bowers e Ben Proudfoot
  • Do Not Split, de Anders Hammer
  • Hunger Ward, de Skye Fitzgerald
  • A Love Song for Latasha

Website Oficial do Oscar 2021

Yasmine Evaristo

Artista visual, desenhista, graduanda em Letras - Tecnologias da Edição. Pesquisadora de cinema, principalmente do gênero fantástico, bem como representação e representatividade de pessoas negras no cinema. Devota da santíssima trindade Tarkovski-Kubrick-Lynch.

× Curta Music Non Stop no Facebook