Festival no Canindé celebra 18 anos do D-Edge, e a gente relembra 18 noites memoráveis do clube que fez história na Barra Funda

Claudia Assef
Por Claudia Assef

Não precisa conhecer muito sobre a noite pra saber que o D-Edge ajudou a colocar São Paulo definitivamente na rota obrigatória de grandes DJs internacionais. Neste sábado (14), o clube comemora 18 anos de resistência clubber com um festival no estádio do Canindé.

Para comemorar a maioridade do clube, o Music Non Stop listou um top 18 de festas inesquecíveis no quadradão futurista da Barra Funda. Aproveita essa surra de flashbacks e comente lá embaixo se a sua festa preferida de todos os tempos ficou de fora desta lista.

1) COBLESTONE JAZZ
12 de abril 2008

Para celebrar seus 5 anos em São Paulo, o D-Edge montou uma programação recebeu o live act do trio canadense Cobblestone Jazz,  projeto chiquérrimo de música eletrônica que trabalha com equipamentos analógicos, trazendo elementos de jazz aos sets minimalistas criados por Mathew Jonson, Tyger Dhula e Danuel Tate. Precisa dizer que a casa quase veio abaixo?

2) RICARDO VILLALOBOS
20 de setembro de 2007

Ricardo Villalobos é daqueles nomes que chamam a atenção em qualquer line-up. Ícone do minimalismo, o chileno criado em Berlim é um dos maiores DJs da atualidade e, como poucos, referência quando o assunto é DJ set e produção de música eletrônica. Em 2007, Villalobos fez um long set no clube da Barra Funda que durou mais de sete horas e, no repertório, mostrou que não é somente um dos grandes nomes do minimalismo, mas que sabe combinar e mistura todos os gêneros e estilos. O resultado: a festa foi considerada uma das melhores do ano.

3) HAWTIN/BAILEY/ ADAM BEYER
21 de maio de 2014

Richie Hawtin, Marco Bailey e Adam Beyer, três gigantes ícones da eletrônica, se reuniram meio sem querer para uma data bombástica no D-Edge em maio de 2014.
A história foi assim: Marco Bailey veio para tocar no Lov.e Club e Adam Beyer era atração da Circuito. A explicação para tal encontro? Os três saíram juntos e, por volta das 22h30, Hawtin fez uma ligação para Renato Ratier, dono do D-Edge, pedindo para tocar no clube. Ele já havia se apresentado na casa em dezembro, na festa D-Edge Concept, e ficou apaixonado pelo espaço. A resposta, obviamente, foi positiva. E assim, no improviso, rolou uma das noites mais incríveis da história do clube.

4) Marcel Dettmann
3 de fevereiro de 2013

Marcel Dettmann

O DJ e produtor Marcel Dettmann é reconhecido como um dos produtores mais influentes do techno contemporâneo. Amplamente associado a labels icônicos, Dettmann permanece fiel às suas raízes inovando consistentemente sua visão da música eletrônica.
Em 2013 ele fez um set de 10 horas de duração, que impressionou não apenas pelo fator maratona, mas principalmente pela qualidade.

5) DERRICK MAY
4 de julho de 2015

Derrick May (enquanto o Johnson viaja ali no cantinho)

Apesar do momento de instabilidade econômica por que o Brasil passava, a programação de aniversário dos 15 anos do clube trouxe nomes de peso, entre as noites mais especiais destaca-se a festa com Derrick May, um dos criadores do techno. Foi inesquecível.

6) OCTAVE ONE
5 de outubro de 2017

A casa celebrou 13 anos do projeto Moving com Octave One (live), Kolombo, Renato Ratier, Diogo Accioly, Fran Bortolossi & Ingrid Chasseraux Diniz. A Moving fez das quintas-feiras do D-Edge um celeiro de novas vertentes da música eletrônica, do deep ao techno.

7) DYSTOPIAN SHOWCASE 2017

Dystopian

O Dystopian Showcase com Distant Echoes, Jon Hester e Vril foi inovador, abusado, contemporâneo. Todos os artistas da Dystopian mostraram e demonstraram seu valor e seu lugar. A cereja do bolo sem dúvida o back-to-back entre Renato Ratier & Jon Hester, que durou quase 10 horas. Esplêndido.

8) SVEN VATH @ AFTER DO SKOL BEATS
8 de novembro de 2012

Considerado um dos mestres do techno e da house, Vath é dono do icônico selo Cocoon Recordings  e responsável por uma das festas mais bombadas de Ibiza, a Cocoon Ibiza.  No D-Edge, na mesma noite que Vath se apresentaram o também alemão Sascha Dive, Finnebassen e Renato Ratier. Sven Vath tocou por 12 horas, um set impressionante, eclético e divertido.

9) AMBIQ
14 de janeiro de 2017

Essa foi uma das noites de gala para projeto Mothership. O clube recebeu um line-up digno dos eventos mais conceituados do mundo, liderado pelo trio AMBIQ, projeto experimental berlinense de Max Loderbauer, Samuel Rohrer e Claudio Puntin. Bebendo de uma piscina profunda de influências, que inclui a improvisação, música eletrônica avançada com conceitos de anti-beat e criação livre, o trio faz o que todo o conjunto grande deveria fazer: torna-se mais do que a soma de suas peças, se consolidando como um único organismo com seu próprio vocabulário expressivo e perspectiva única. A noite ainda teve Fumiya Tanaka, Thomas Melchior e Dewalta.

10) TIGA
2 de abril de 2009

O DJ canadense tem no currículo hits como Sunglasses at Night e You Gonna Want Me, mas, em sua apresentação no D-Edge, Tiga dispensou as faixas mais manjadas e investiu num set de house, sensual e orgânico. Ele subiu à cabine ovacionado pela multidão e vestindo um boné. Claro, não faltaram músicas mais inclinadas para a barulheira distorcida.  Noite histórica.

11) LOKO DICE
12 de fevereiro de 2015

Loko Dice

A noite épica com Loko Dice aka de Yassine Ben Achour foi uma das mais animadas da história do clube. O DJ, que começou a carreira como rapper, ficou famoso mundialmente por sua residência no clube 10 DC, em Ibiza. Festeiro profissional, Dice comandou uma noite emocionante, regada a um set de cair o queixo.

12) CARL CRAIG
7 de janeiro de 2016

Carl Craig é considerado um criativo visionário, ícone da música eletrônica, DJ de classe mundial e um verdadeiro embaixador do techno de sua cidade natal, Detroit. Craig também é reconhecido pelo fascínio retumbante com futurismo.
A Moving que contou com a presente do mestre foi uma das mais especiais da história.

13) PREMIESKU + PETRE INSPIRESKU
5 de janeiro de 2018

Aguardado por tanto tempo, o label mais respeitado de minimal romeno-a:rpia:r
veio com Premiesku e Petre Inspiresku numa noite magnífica, deixando o público sem ar de tanto dançar. O trio Premiesku (Livio, Robi e George) apresentou um live 100% analógico e mostrou fusão e sintonia espalhando energia positiva e poder do team work. Petre Inspiresku impressionou a todos com um long set cheio de raridades e faixas inéditas.

14) AFTER DO SÓNAR
12 de maio de 2012

O Sónar ocorre anualmente na capital catalã desde 1994 e, desde 2002, em diversas outras cidades do mundo. Em sua segunda incursão pelo Brasil (a primeira foi em 2004), o festival armou um after de resposta no D-Edge, com apenas Seth Troxler, John Talabot, Four Tet e James Holden.

15) AFTER DO HUSH
14 de novembro de 2017

A festa HUSH aconteceu no antigo galpão da Editora Globo. Logo depois da festa, Solomun fez a alegria dos fãs e partiu para o D-Edge, que recebeu o after oficial. Nas pick-ups mais back-to-back de Solomun com Butch e Renato Ratier, que conduziram a pista das 9h manhã até as 18h! Não é à toa que Solomun é considerado o rei dos afters – o DJ e produtor tem o hábito de estender sua festa em Ibiza, a Solomun +1, e também em suas diversas gigs pelo mundo.

16) AFTER DO D-SIDE
12 de outubro de 17

D-Side e uma label party da D-Edge dedicada ao Techno. Na edição que aconteceu no em outubro de 17  o line-up e o conceito artístico arrebentaram: Renato Ratier, Dubfire, Pan-Pot e a revelação belga Charlotte de Witte.
Na sequência, aconteceu um after que durou 24h non-stop, com direito a Dubfire numa pista e na outra ninguém menos que Marcel Dettmann.

17) AFTER DO NOKIA TRENDS
26 de setembro de 2005

Em meados dos anos 2000, o festival Nokia Trends reuniu jovens, fashionistas, povo da noite e bees fervidas! Numa das edições mais legais do festival, o povo todo migrou para o D-Edge para um after que entrou para a história! Reuniu um time dos sonhos: Ellen Allien, Tiefschwarz e Roman Flügel foram para o clube ferver na pista e na cabine.

18) D-EDGE 13 ANOS GRAN METRÓPOLE
25 de maio de 2013
Esse aniversário do D-Edge foi um dos mais incríveis. Entre os destaques do line-up estrelado, estava Nicholas Jaar além do britânico Jamie Lidell. A comemoração continuou com a DJ alemã ADA; o duo Kings Of Swingers e o projeto The Drone Lovers.

D-EDGE FESTIVAL 18 ANOS

Sábado, 14 de abril (são 24 horas de festa!!), a partir das 18h,
Estádio do Canindé
Ingressos: R$ 200 (meia-entrada pra estudantes e quem doar um livro em bom estado ou 1 quilo de alimento).

Vendas online aqui

Programe-se! Confira abaixo o line up completo com horários:

× Curta Music Non Stop no Facebook